SE TIVERES SENDO ACUSADO...


ACUSAÇÃO
 A Maneira ilegal do inimigo para confirmar nossa fé em Deus.
 Daniel 6:1 a 28 

            Iniciaremos este estudo vislumbrando os acontecimentos vividos por Daniel, e o que podemos aprender sobre esta matéria de grande calamidade na vida de muitos irmãos em Cristo, que estão sofrendo por não aceitarem ou não perceberem o que Deus quer lhes ensinar com as acusações que lhe são feitas. Veja o que aconteceu com Daniel no seu capítulo seis e versículo cinco: “Disseram, pois, estes homens: Nunca acharemos ocasião alguma para acusar a este Daniel se não a procurarmos contra ele na lei do seu Deus”.

COMO RESPONDER A FALSAS ACUSAÇÕES?

            Existem alguns crentes que se dizem irmãos no Senhor, que jamais compreenderiam estes fatores legais de Deus na vida do cristão para que saiba cheio do Espírito Santo, como encarar esta situação angustiante, que se vive hoje nas Igrejas. Acusação ninguém gosta, ninguém quer passar por elas, ainda mais se elas não tiverem fundamentos legais ou provas cabais, ou seja, quando somos acusados sem nada termos feito. Mateus 5:11. “Bem-aventurados sois quando, por minha causa, vos injuriarem, e vos perseguirem, e, mentindo, disserem todo mal contra vós por minha causa”. Mas para que aceitemos os designos de Deus é preciso antes de tudo enfrentar com humildade e resignação a essas afrontas que nosso adversário que também é o de Deus, nos faz, existe três formas de respostas salutares para encararmos esta barreira, são elas:

1-      O SILÊNCIO É UMA BOA RESPOSTA PARA FALSAS ACUSAÇÕES.

            Nesta ocasião, Daniel já tinha uns oitenta anos de idade e era um dos três principais administradores de Dario. Trabalhava junto a outros que não criam no seu Deus, mas era mais eficiente que os demais. Desta forma, atraiu a atenção e o respeito do rei. Também atraiu o ciúme dos que com ele trabalhavam. Como estes nada encontravam para criticar, atacaram a fé de Daniel. Se for este o tipo de crítica que você enfrenta, fique feliz - talvez sua fé seja a única coisa que encontraram para criticar! Responda ficando firme na sua fé, e viva por ela. Lembre-se que Deus está no controle, lutando as suas batalhas. II Crônicas 20: 15.

2-      A ORAÇÃO É UMA RESPOSTA EFICAZ À ACUSAÇÃO. Salmos 35:1 a 28.

            Muitos podem até mesmo não entender este fator importante na vida de quem sofre acusações indevidas, falsas, sem o fato ter ocorrido.
            A oração é uma das armas mais eficazes, em contra partida às falsas acusações. É o mecanismo mais fiel ao que Deus realmente quer: Que passemos para Ele tudo o que estão fazendo e tudo o que estão projetando, para em senso de Justiça e com Sua Verdade, Ele possa dar o pago àqueles que ausentes de amor cristão, possam tentar derrubar seus filhos aqui na Terra.
O salmista Davi, faz uma solicitação de castigo aos seus inimigos e um dos motivos principais é a falsa acusação que vinha sofrendo por parte daqueles que se fizeram seus inimigos. “Levantam-se iníquas testemunhas e me argúem de coisas que não sei, Salmos 35:11”.
            Este é um salmo "imprecatório" que pede a Deus que lide com inimigos. Este tipo de Salmo soa duro, mas devemos nos lembrar que:

(1)   Davi fugia de homens que desejavam matá-lo injustamente. Sendo Davi o ungido de Deus sobre Israel, chamado para destruir seus inimigos, ele não compreendia a situação.

(2)   O clamor de Davi por justiça era sincero. Não se tratava de sede de vingança. Ele buscava realmente o ideal perfeito de Deus para seu povo.

(3)   Davi não chamou a vingança para si: deixou para Deus.

(4)   Este tipo de salmo usa a hipérbole (exagero). Seu alvo é motivar-nos a tomas posição firme contra o pecado e o mal.

            Para muitos, a crueldade é algo ignorado, para outros, não. Deus promete ajudar os perseguidos e trazer o juízo para os que não se arrependem. Davi clamou a Deus para ser defendido quando foi injustamente acusado. Quando oramos por justiça, oramos como Davi. Se você for injustamente acusado, sua primeira reação pode ser querer se vingar, ou responder detalhadamente às acusações.        
            Peça a Deus que lute a sua batalha. Ele limpará seu nome diante de todos que lhe forem realmente importantes. Quando Cristo voltar, os ímpios serão punidos, inclusive teus acusadores.

            3- A ALEGRIA É UMA RESPOSTA EFICAZ À ACUSAÇÃO.  Mateus 5:1 a 16.

           Se uma das coisas que não entendemos é a proposta de Deus para nos ensinar nos piores momentos em que sofremos perseguições através das acusações. Mas Ele sabe o que faz, e também nos ajuda, a nos fortalecermos emocionalmente. Para que possamos realmente nos alegrar por saber que Ele como nosso Pai é nosso defensor. Provérbios 20:22.  O discípulo Mateus deixou registrado o que ouviu de Jesus quando pronuncia as bem-aventuranças, no capítulo cinco e versículo onze de seu livro: “Bem-aventurados sois quando, por minha causa, vos injuriarem, e vos perseguirem, e, mentindo, disserem todo mal contra vós por minha causa”. Como podemos observar este texto prova-nos a falibilidade que temos em nos comportarmos como verdadeiros servos em obediência ao que realmente Deus quer. O próprio Senhor Jesus disse para ficarmos alegres quando formos acusados. O apóstolo Paulo inspirado pelo Espírito Santo também nos dá uma palavra de incentivo quanto às perseguições (a acusação é uma delas que sofremos quando escreve sua carta aos Romanos no capítulo cinco e versículos três a cinco. A perseguição pode ter uma finalidade boa porque:

(1)   desvia nossos olhos das recompensas terrenas,
(2)   expõe a fé superficial, mostra-nos o quanto somos falíveis em crer que Deus pode tomara as medidas contra nossos algozes malfeitores.
(3)   fortalece a fé dos que persistem, exemplo da mulher Cananéia. Mateus 15: 21 a 32.
        (4) serve de exemplo para outros. É bom saber que muitos dos grandes profetas de Deus foram perseguidos (Elias, Jeremias, Daniel).

              Nossa perseguição demonstra que somos fiéis e com certeza, Deus premiará os fiéis ao abrir-lhes a porta do céu, onde não haverá mais perseguição.

ACUSAÇÕES: O QUE A PALAVRA DE DEUS FALA SOBRE ELAS:

           É importante frisar que todos os nossos acusadores certamente, cairão no mesmo laço que eles estão armando contra quem eles estão acusando. Esta é a Palavra de Deus em defesa de seus filhos que acusados sem causa estão sofrendo agravos na Obra do Senhor. Veja meditando no que dia a Bíblia Sagrada sobre isso:
           Esdras 4:6. No princípio do reinado de Assuero escreveram uma acusação contra os habitantes de Judá e de Jerusalém.

         Zacarias 3:1. Deus me mostrou o sumo sacerdote Josué, o qual estava diante do Anjo do Senhor, e Satanás estava à mão direita dele, para se opor.

            João 7:7. Não pode o mundo odiar-vos, mas a mim me odeia, porque eu dou testemunho a seu respeito de que as suas obras são más.

            Apocalipse 12:9 a 11. (v.9) O enorme dragão foi lançado fora do céu. Ele é aquela velha cobra, chamada Diabo ou Satanás, que leva todas as pessoas do mundo a pecar. Ele foi jogado sobre a terra, e os seus anjos também foram jogados junto com ele. (v.10) Então ouvi uma voz forte no céu, que dizia: – Agora chegou a salvação de Deus! Agora Deus mostrou o seu poder como rei! Agora o Messias que ele escolheu mostrou a sua autoridade! Pois o acusador dos nossos irmãos, que estava diante de Deus para acusá-los dia e noite, foi jogado fora do céu. (v.11) Os nossos irmãos o derrotaram por meio do sangue do Cordeiro e da mensagem que anunciaram. Eles estavam prontos para dar a sua vida e morrer. Satanás é o maior acusador. Faz com que os crentes duvidem. (BRA)

            Jesus é o verdadeiro acusador de um mundo pecaminoso e ajuda os fiéis a crerem. João 8:9. “Mas, ouvindo eles esta resposta e acusados pela própria consciência, foram-se retirando um por um, a começar pelos mais velhos até os últimos, ficando só Jesus e a mulher no meio onde estava”.
           
           Nossa consciência pode nos acusar, e nos confrontar com nosso pecado. Deuteronômio 19:16 a 19. (v.16) Se uma testemunha falsa acusar alguém de ter cometido um crime, (v.17) o acusador e o acusado irão ao lugar de adoração e ali apresentarão o caso aos sacerdotes e aos juízes que estiverem julgando naquele tempo. (v.18) Estes examinarão o caso com todo o cuidado, e, se for provado que o homem deu testemunho falso contra o seu patrício israelita, (v.19) será condenado, e o castigo dele será o mesmo que ele queria para o outro. Assim vocês tirarão o mal do meio do povo. É claro se estivermos abertos e prontos a ouvir a voz do Espírito Santo.
            Nossos inimigos podem ser nossos acusadores, esperando que tropecemos e caiamos. Miquéias 7:8 a10. (v.8) Ó inimiga minha, não te alegres a meu respeito; ainda que eu tenha caído, levantar-me-ei; se morar nas trevas, o Senhor será a minha luz. (v.9) Sofrerei a ira do Senhor, porque pequei contra ele, até que julgue a minha causa e execute o meu direito; ele me tirará para a luz, e eu verei a sua justiça. (v.10) A minha inimiga verá isso, e a ela cobrirá a vergonha, a ela que me diz: Onde está o Senhor, teu Deus? Os meus olhos a contemplarão; agora, será pisada aos pés como a lama das ruas.
COMO ACUSAR DE FORMA CORRETA?

            Existem fundamentos bíblicos sobre a maneira de como devemos proceder ante uma acusação a ser feita contra quem está errando:

            Mateus 7:3 a 5. “Por que vês tu o argueiro no olho do teu irmão, porém não reparas na trave que está no teu próprio? Ou como dirás a teu irmão: Deixa-me tirar o argueiro do teu olho, quando tens trave no teu? Hipócrita! Tira primeiro a trave do teu olho, e, então, verás claramente para tirar o argueiro do olho do teu irmão”.

            João 8:7. “Como insistissem na pergunta, Jesus se levantou e lhes disse: Aquele que dentre vós estiver sem pecado seja o primeiro que lhe atire pedra”.
           
            Olhar para si próprio deve preceder a acusação. Aí, talvez, nos acusemos de nossos pecados ao invés de acusar outros de pecados menores. I Timóteo 5:19. Não aceites denúncia contra presbítero, senão exclusivamente sob o depoimento de duas ou três testemunhas verdadeiras e que tenham prova cabal dos fatos com ele acontecido.
            Deuteronômio 19:15. Uma só testemunha não se levantará conta alguém por qualquer iniquidade ou por qualquer pecado... Pelo depoimento de duas ou três testemunhas se estabelecerá o fato.

            Várias testemunhas verdadeiras são necessárias para se estabelecer os fatos. Cada testemunha verdadeira adicional reforça o depoimento da anterior. Levítico 19:11. “Não furtareis, nem mentireis, nem usareis de falsidade cada um o com seu próximo” Salomão em santa sabedoria nos aconselha: Provérbios 3:30. “Jamais pleiteies com alguém sem razão, se te não houver feito mal’.
            Nunca devemos fazer acusações falsas. Acusar outro falsamente pode causar danos a sua reputação, furtando-lhe algo precioso. Quais as consequências de acusar outros? Deuteronômio 19:16 a 20. “Quando se levantar testemunha falsa contra alguém, para o acusar de algum transvio, então, os dois homens que tiverem a demanda se apresentarão perante o Senhor, diante dos sacerdotes e dos juízes que houver naqueles dias. Os juízes indagarão bem; se a testemunha for falsa e tiver testemunhado falsamente contra seu irmão, far-lhe-eis como cuidou fazer a seu irmão; e, assim, exterminarás o mal do meio de ti”.

            Uma acusação falsa é tão má quanto o crime em si.  Jamais acuse alguém falsamente. Deus vai lhe punir com o castigo que se intencionou para o outro. I Reis 21:10 a 19. (v.10) Ponham sentados na frente dele dois homens de mau caráter para acusarem Nabote de ter amaldiçoado a Deus e ao rei. Depois levem Nabote para fora da cidade e o matem a pedradas.
(v.11) As autoridades e os líderes de Jezreel fizeram o que Jezabel havia ordenado. (v.12) Eles mandaram avisar que ia haver um dia de jejum, reuniram o povo e puseram Nabote no lugar de honra. (v.13) Então, diante do povo, os dois homens de mau caráter acusaram Nabote de haver amaldiçoado a Deus e ao rei. E assim ele foi levado para fora da cidade e morto a pedradas. (v.14) Depois mandaram dizer a Jezabel: – Nabote foi morto a pedradas. (v.15) Logo que Jezabel recebeu o recado, disse a Acabe: – Nabote morreu. Agora vá e tome posse da plantação de uvas que ele não quis vender a você. (v.16) Logo que soube que Nabote estava morto, Acabe foi até a plantação de uvas e tomou posse dela. (v.17) Então o Senhor Deus disse a Elias, o profeta de Tisbé: (v.18) – Vá falar com Acabe, rei de Israel, que mora na cidade de Samaria. Você o achará em Jezreel, na plantação de uvas de Nabote. Ele foi até lá para tomar posse dela. (v.19) Diga a Acabe que eu, o Senhor, estou dizendo a ele: “Você mata o homem e ainda fica com a propriedade dele?” Diga a Acabe que o que eu estou dizendo é isto: “No mesmo lugar onde os cachorros lamberam o sangue de Nabote, eles lamberão o seu próprio sangue.”
            1 Pedro 3:14... Mas, ainda que venhais a sofrer por causa da justiça, bem-aventurados sois. Não vos amedronteis... Nem fiqueis alarmados.
            Acusações falsas podem resultar em castigos terrenos injustos, mas o verdadeiro juiz, dispensador de prêmios e punições, é Deus. Como Juiz justo, sempre trará justiça. Sua justiça pode ser imediata, ou postergada para o mundo vindouro.

COMO DEVO RESPONDER ÀS ACUSAÇÕES QUE ME SÃO FEITAS?
           
            Certamente, a primeira coisa a se fazer quando vem a acusação é não dar tanta ênfase a ela, principalmente quando você nada tem a ver com elas, quando elas se levantam insidiosamente com ardores de falsidade. Na Palavra de Deus encontramos muitos dos conselhos de Deus para os que são acusados e como eles devem responder as acusações que lhe são aferidas: No Salmos 35:20 a 24. “Não é de paz que eles falam; pelo contrário, tramam enganos contra os pacíficos da terra. Escancaram contra mim a boca e dizem: Pegamos! Pegamos! Vimo-lo com os nossos próprios olhos. Acorda e desperta para me fazeres justiça, para minha causa, Deus meu e Senhor meu. Julga-me, Senhor, Deus meu, segundo a tua justiça; não permitas que regozijem contra mim. Não digam: Demos cabo dele!”
            Entenda que Deus conhece plenamente a acusação e a verdade, e que tem a autoridade e os meios para resolver a situação. Se você for inocente, deixe a justiça para Deus.
            Salmos 119:78. “Envergonhados sejam os soberbos por me haverem oprimido injustamente; eu, porém, meditarei nos teus preceitos”. Nesse período estude e medite na Palavra de Deus, isto irá ajudá-los a refrigerar a alma e fortalecer o coração na presença do Senhor, para que o inimigo não o consiga desviar. Sigamos o exemplo de Neemias que não temeu ante às falsas acusações que Sambalate, Tobias e Gesém o fazia: Neemias 6:8, 9. “Mandei dizer-lhe: De tudo o que dizes coisa nenhuma sucedeu; tu, do teu coração, é que o inventas. Porque todos eles procuravam atemorizar-nos, dizendo: As suas mãos largarão a obra, e não se efetuará. Agora, pois, ó Deus, fortalece as minhas mãos”.

            Um conselho: Não focalize (não de tanta importância, faça valer) tanto as acusações pois isto pode acarretar num fator que o fará que se esqueça de Deus. Leve a causa para ele, e Dele receba força.
            Gênesis 3:11 a 13. “Perguntou-lhe Deus: Quem te fez saber que estavas nu? Comeste da árvore de que te ordenei que não comesses? Então, disse o homem: A mulher que me deste por esposa, ela me deu da árvore, e eu comi. Disse o Senhor Deus à mulher: Que é isso que fizeste? Respondeu a mulher: A serpente me enganou, e eu comi”.

            Oséias 4:4. “Todavia, ninguém contenda, ninguém repreenda; porque o teu povo é como os sacerdotes aos quais acusa. Devemos aceitar a culpa que é nossa de fato”.
            Lucas 12:11, 12. “Quando vos levarem às sinagogas e perante os governadores e autoridades, não vos preocupeis quanto ao modo por que respondereis, nem quanto às coisas que tiverem que falar. Porque o Espírito Santo vos ensinará, naquela mesma hora, as coisas que deveis dizer”.
            Quando tiver que responder acusações, abra seu coração para a instrução do Espírito Santo. Poderá receber ajuda que jamais esperava.
            Mateus 27:12 a 14. ‘E, sendo acusado pelos principais sacerdotes e pelos anciãos, nada respondeu. Então, lhe perguntou Pilatos: Não ouves quantas acusações te fazem? Jesus não respondeu nenhuma palavra, vindo com isto a admirar-se grandemente o governador”.

ÀS VEZES É MELHOR FICAR QUIETO. SEU SILÊNCIO GRITA POR SUA INOCÊNCIA.
           
            Fico às vezes meditando e me pergunto: “Como vou me justificar do que não fiz”, fica até parecendo um certo desconhecimento por parte de quem o tenta fazer. Pois justificar o injustificável é realmente impossível, pois, nem mesmo Jesus o fez. Veja o que os filhos de Coré deixaram registados no Salmos 46:10.

            Mateus 5:11. “Bem aventurados sois quando, por minha causa, vos injuriarem, e vos perseguirem, e, mentindo, disserem todo mal contra vós por minha causa”. Jesus foi injuriado e perseguido. Seus seguidores devem esperar o mesmo. Mas seremos abençoados por Deus quando formos perseguidos por causa de Jesus.

            1 Pedro 2:12, 15. “Mantendo exemplar o vosso procedimento no meio dos gentios, para que, naquilo que falam contra vós outros como de malfeitores, observando-vos em vossas boas obras, glorifiquem a Deus no dia da visitação. Porque assim é a vontade de Deus, que, pela prática do bem, façais emudecer a ignorância dos insensatos’.
            Continuem a viver uma vida honrada diante de seus acusadores. A aparência de Cristo atrai.     
           
           Você poderá atrair seu acusador para o Salvador, mesmo que ele se julgue ser um crente no Senhor, através da submissão e obediência à Palavra de Deus, você o estará levando a ter uma consciência de que ainda não está salvo, e é claro, procurará os meios legais para isto, através do arrependimento que lhe brotará no coração.

           
PROMESSAS DE DEUS

            Todos os acusados têm de Deus promessas infalíveis, amadurecemos pois com estas riquezas perenais que procedem do coração de Deus para os nossos corações. Vale a pena pagar o preço em oração e santo temor, pois a nossa recompensa está assinalada pela forte mão do Senhor por nossas vidas. Meditemos em algumas dessas promessas:

            Romanos 8:33 e 34. ”Quem intentará acusação contra os eleitos de Deus? É Deus que os justifica. Quem os condenará? É Cristo Jesus quem morreu, ou, antes, quem ressuscitou, o qual está à direita de Deus e também intercede por nós”.
            1 Pedro 3:16. “Fazendo-o, todavia, com mansidão e temor, com boa consciência, de modo que, naquilo que falam contra vós outros, fiquem envergonhados os que difamam o vosso bom procedimento em Cristo”.
            Colossenses 1:22. “Agora, porém, vos reconciliou no corpo da sua carne, mediante a sua morte, para apresentar-vos perante ele santos, inculpáveis e irrepreensíveis”.

            Que Deus ricamente os abençoe, e os ajude, como ajudou a mim, pois, tive a felicidade de passar estas experiências de acusações sem nada ter feito, na minha própria vida, e posso compartilhá-las com todos vocês.




BIBLIOGRAFIA


O iLúmina Gold é uma colaboração entre a Sociedade Bíblica do Brasil...
Sociedade Bíblica do Brasil
Avenida Ceci, 706
06460-120 - Barueri - São Paulo
Fone: (11) 4195-9590
http://www.sbb.org.br
...e Visual Book Productions.
Visual Book Productions
P.O. Box 593643
Orlando, FL 32859


Estudo, Bíblia de, versão revisada com os melhores textos em Hebraico e Grego.
Almeida, João Ferreira de,  Bom pastor editora – SP – Brasil - 2000


4 Response to "SE TIVERES SENDO ACUSADO..."

  1. Me alimentei bem, afinal você sempre nos trouxe revelações tremendas. Deus continue abeçoando esse ministério fazendo o ferás e ciclópico; a paz e muita saudade.Pr: Charles Nogueira

    Fui abençoada por essa palavra. Que Deus o abençoe.

    Fui abençoada por essa palavra. Que Deus o abençoe.

    Olá, amado, a Paz!
    Uma palavra muito edificante. Que Deus continue usando o amado pastor.

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.
Powered by Blogger